A Cortiça.

A cortiça é 100% natural e tem um carácter único
o que diz respeito às suas propriedades mecânicas,
físicas e químicas, tornando-a numa matéria-prima
ideal para uma vasta gama de aplicações.

A Cortiça.

A cortiça é 100% natural e tem um carácter único
o que diz respeito às suas propriedades mecânicas,
físicas e químicas, tornando-a numa matéria-prima
ideal para uma vasta gama de aplicações.

A Cortiça.

Há milhares de anos que a cortiça protege, inspira e deslumbra o ser humano. A sua origem remonta ao século V a.C., onde foi usada como ânfora para selar vinhos, em sapatos, boias e aparelhos de pesca. Séculos depois foi usada como isolante contra o frio e humidade e nos séculos XV e XVI foi aplicada nas caravelas que levaram os navegadores lusitanos à descoberta do mundo.

A cortiça, casca exterior do sobreiro QUERCUS SUBER L, é um tecido vegetal formado por milhões de micro-células, que são preenchidas com uma mistura gasosa idêntica ao ar.

Esta estrutura celular, semelhante a um favo de mel, confere à cortiça grande elasticidade e, por incrível que pareça, a cortiça pode ser comprimida até metade do seu tamanho sem perder a sua flexibilidade.

As suas células funcionam como amortecedores e têm uma memória verdadeiramente elástica. Quando comprimidas, tentam instantaneamente retornar à sua forma original. Esta elasticidade confere à cortiça um elevado nível de tolerância às alterações climáticas.
É leve, com inércia química, resistente à humidade e biodegradável.

As propriedades mais distintas e úteis da cortiça são: a baixa densidade, a resiliência, a impermeabilidade, as propriedades isolantes e retardantes de fogo, a baixa condutividade, a alta resistência ao desgaste, o facto de ser suave e agradável ao toque, e ser anti estática.
 

Aplicações Gerais.

Inovação e novas técnicas foram introduzidas na indústria da cortiça, ajudando o desenvolvimento de uma incrível combinação de novos materiais, desafiando designers e investigadores a otimizar o seu uso.

No entanto, a sua principal aplicação é a vedação de vinhos e bebidas espirituosas, sendo o material de preferência para mais de 70% dos produtores mundiais de vinho.

Muitos dos seus usos, provavelmente, não são conhecidos pela maioria dos consumidores, pois não são visíveis. Ainda assim, os seus benefícios são notáveis ​​e excecionais. As propriedades únicas da cortiça estão disponíveis em diversas formas: natural, granulada, aglomerada em blocos, folhas ou rolos, e em combinação com outros materiais e formulações únicas que tornam a vida quotidiana mais segura, agradável e confortável.

As propriedades da cortiça fazem dela um material com uma elevada versatilidade e adequada a uma vasta gama de aplicações: Conservação de Energia | Flutuação | Vedação de Juntas | Isolamento | Suporte de Cargas | Polimento | Vedação | Atenuante de Som | Controlo de Vibração | Redução de peso.

A indústria da cortiça está a viver tempos muito inovadores e todos os dias são descobertas novas áreas de aplicação deste extraordinário material. A incerteza sobre o futuro torna-nos conscientes e ainda mais diligentes em encontrar novos caminhos para satisfazer as necessidades e a evolução do mercado.